Maestro japonês Nobuaki Nakata rege a Ospa no 3º Concerto Oficial

Apresentação ocorre na terça-feira (17/4), às 20h30, no Salão de Atos da UFRGS e terá a participação do Coro Feminino da Ospa

 

Nobuaki Nakata

A Orquestra Sinfônica de Porto Alegre será regida pelo maestro japonês Nobuaki Nakata no 3º Concerto Oficial, que ocorre na terça-feira (17/4), às 20h30, no Salão de Atos da UFRGS. Nascido em 1975, o jovem maestro já conquistou prestígio internacional é reconhecido como um dos talentos mais brilhantes da nova geração de regentes no Japão.

Ao lado do Coro Feminino da Ospa, a orquestra executará Os Planetas,  principal obra de de Gustav Holst (1874 – 1934). Resultado de estudos místicos e astrológicos do compositor, a composição é formada por uma suíte em sete partes, cada uma delas referente a um planeta da galáxia, exceto a Terra. Com uma estrutura que não obedece aos padrões convencionais (não se trata de uma sinfonia, poema sinfônico, nem fantasia), Os Planetas são uma série de perfis sonoros que representam “as sete influências do destino e componentes de nosso espírito”, nas palavras de Holst.

Ainda será apresentada a obra japonesa – “3 Film Scores”, de Toru Takemitsu (1930 – 1996), compositor que explorou os princípios de composição da música erudita ocidental e da música japonesa tradicional, isoladamente e em conjunto. A obra foi arranjada pelo compositor como uma versão de concerto de suas partituras originais para os filmes Music of Training and Rest, de “Jose Torres” (dirigido por Hiroshi Teshigahara, 1959), Funeral Music, de “Black Rain” (dirigido por Shohei Imamura, 1989) e Waltz, de “Face of Another” (dirigido por Hiroshi Teshigahara, 1966).

Nascido em Kyoto, no Japão, Nakata é filho de uma famosa dançarina clássica japonesa. Começou seus estudos com contrabaixo, aos 13 anos. Em seguida, continuou em Toho Gakuen School of Music e, ao mesmo tempo,  estudou ciências médicas na University of Tsukuba.

Em 2005, mudou-se para Viena e estudou música no Conservatory of Vienna. Em 2007, estreou na Europa regendo “Carmina Burana” no State Opera Stara Zagora, Bulgária. No Japão, regeu Mahler’s 2nd Symphony em Tochigi. Em 2008 regeu um concerto no Rio de Janeiro em comemoração ao 100º aniversário da imigração japonesa no Brasil.

Desde 2009, Nakata trabalha na Kyushu Symphony Orchestra and Kobe City Chamber Orchestra. Em 2011, em tour pela Estônia, se apresentou com Latvian National Symphony Orchestra e fez sua primeira aparição no Stage of Japan National Cultural Festival em Kyoto, Japão.

Nakata também se apresentou recentemente com numerosas orquestras e coros, como Danube Symohony Orchestra, Petrobras Orquestra Sinfônica, Tokyo Akademische Kapelle, Shin-Yu-Kai Choir, Tokyo Oratorio Society, Musicariva Festival Orchestra, I Maestri, Yamanashi Symphony Orchestra.

Além de suas atividades como regente, Nakata foi o principal baixista da New Japan Philharmonic Orchestra e da New Opera in Valencia.

A OSPA é uma das fundações vinculadas à Secretaria de Estado da Cultura. Os concertos da Temporada 2012 são patrocinados pela Lei Federal de Incentivo a Cultura, Vonpar, Ipiranga, Gerdau, Souza Cruz e Brasília Guaíba. A realização é da OSPA, Fundação Cultural Pablo Komlós e Secretaria de Estado da Cultura – Governo do Estado do Rio Grande do Sul.

SERVIÇO

O que: 3º Concerto Oficial da Ospa

Quando: Terça-feira (17/4), às 20h30

Onde: Salão de Atos da UFRGS (Av. Paulo Gama, 110)

Ingressos: R$ 20

*Estudantes, maiores de 60 anos e sócios do Clube do Assinante ZH pagam R$ 10.

À venda a partir de segunda -feira (16/4), das 11h às 18h, na bilheteria do Salão de Atos da UFRGS.

Programa:

Toru Takemitsu: 3 film Scores

Gustav Holst: Os Planetas

Participação do Coro feminino da Ospa

REGENTE: Nobuaki Nakata

Comente